Polícia Civil e Ministério Público incineram mais de 300 quilos de produtos entorpecentes, em Rio Branco

Em parceria com o Poder Judiciário e Ministério Público, a Polícia Civil incinerou na manhã desta sexta-feira (12) pouco mais de 300 quilos de produto entorpecente entre maconha e cocaína.A incineração aconteceu em uma cerâmica localizada no km 05 da Transacreana.

A droga é proveniente de pelo menos 500 procedimentos feitos pela Delegacia de Repreensão ao Entorpecente (DRE) nos anos de 2016 e 2017, iniciada pelo delegado Fabrízio Sobreira e finalizada pelo delegado Pedro Resende.

De acordo com a representante do poder judiciário, Maria Rosinete, juíza titular da Vara de Delitos de Drogas, não há prejuízos nos inquéritos com a incineração do material já que os laudos já foram concluídos e farão parte dos processos.

“É um procedimento rotineiro que fazemos sempre ao final de cada ciclo para evitar que essa droga fique em delegacias e ressaltamos que não há prejuízo nos inquéritos pois, já passaram por perícia e temos os resultados de cada laudo. É uma questão de segurança” , disse a juíza.

O delegado Pedro Henrique Resende declara que as operações de repreensão ao entorpecente devem continuar em todo o estado de forma ininterrupta e deixa claro que ainda existe uma parcela de material apreendido que ainda deverá ser incinerado nos próximos dias.

Post Author: Fabiano Azevedo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *