Homem liga para polícia dizendo que matou a esposa e morre dentro da viatura, em Rio Branco

Um homem identificado como Ronaldo dos Santos Araújo morreu no final da manhã desta quarta-feira (04), após passar mal dentro de uma viatura da Polícia Militar, no bairro Cadeia Velha. Os militares haviam sido acionados por ele mesmo após ligar para o 190 dizendo ter matado a esposa.

De acordo com o Major Samir Freitas, quando a guarnição chegou ao local, Ronaldo estava caído na calçada e no momento da abordagem ao tentarem colocá-lo na viatura, na frente dos próprios parentes, ele teve um mau súbito e acabou morrendo dentro do veículo policial.

Uma unidade do Suporte Avançado de Atendimento esteve no local, mas só pode atestar o óbito. E o corpo ficou dentro da viatura esperando a chegada do Instituto Médico Legal (IML).

“A informação repassada pelo Ciosp é de que havia um cidadão no Cadeia Velha que ligou dizendo que teria matado a mulher e que queria se matar, então as guarnições se deslocaram até a região e ao chegarem se depararam com ele caído na calçada. No momento da abordagem até a viatura ele começou a passar muito mal, desmaiou e foi chamado o socorro, mas ele acabou falecendo. Tanto as testemunhas como a família presenciou o ocorrido. Vale ressaltar pra não haver desentendimento de informações”, disse o oficial.

A princípio a suspeita é de que ele estivesse sobre efeito de produto entorpecente, o que pode ter resultado numa overdose, mas essa informação só poderá ser confirmada pelo Instituto Médico Legal após exames que confirmem a causa da morte.

A esposa de Ronaldo não estava em casa, mas sim em seu trabalho e foi informada do ocorrido por familiares.

Post Author: Fabiano Azevedo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *