Vigilância Sanitária proíbe funerárias de embalsamar corpos em Sena Madureira

Com a proibição, tal procedimento só está sendo feito nas funerárias da capital acreana.

11 de agosto de 2018
Redação Senaonline.net

As funerárias existentes em Sena Madureira não podem mais realizar o embalsamamento de corpos. Após receber uma denúncia do Ministério Público, a Vigilância Sanitária Municipal fez uma fiscalização detalhada nas funerárias e constatou que as mesmas não seguem as normas da Anvisa para realizar tal procedimento.

Segundo informou Jeocundo Assis, coordenador da Vigilância em Sena, com o embalsamamento que vinha sendo feito anteriormente, os restos mortais dos cadáveres poderiam estar sendo jogados na rede de esgoto e, dessa forma, contaminando rios e igarapés da região. “Todos os trabalhos de embalsamar corpos em Sena Madureira estão suspensos até que as funerárias possam se adequar. Antes de mais nada, procuramos zelar pela qualidade de vida da população”, comentou.

Essa adequação seria a construção de uma fossa para o descarte dos restos mortais após o processo de embalsamamento. Somente em Rio Branco, esse trabalho é feito adequadamente.

O representante de uma funerária que preferiu não se identificar relatou à nossa reportagem que está esperando somente a Vigilância Sanitária apresentar o modelo da fossa para que possa tomar as providências.

Em Sena Madureira não existe um núcleo do IML, então esse serviço de embalsamamento se torna importante em alguns casos para que as famílias dos mortos possam velar o corpo durante o tempo adequado.

Com a proibição, tal procedimento só está sendo feito nas funerárias da capital acreana.

Post Author: Fabiano Azevedo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *